Relatório da Pré-Conferencia de Saúde Jabaquara-Vila Mariana-Ipiranga.


Através da Lei de Acesso à Informação (lei federal 12527/2011) obtivemos o Relatório da Pré-Conferencia de Saúde Jabaquara-Vila Mariana-Ipiranga, realizada em 16-12-1017, na Universidade São Judas, no distrito da Moóca, zona leste da Capital.
conforme já havíamos denunciado, houve um boicote à participação dos representantes do segmento usuários da saúde.
Dos 242 participantes, apenas 50 eram do segmento usuários (cerca de 20% dos participantes).
Note-se que a Pré-conferencia era dos distritos da Região sudeste. mas escolheram um local na zona leste da Capital. Os moradores do Jabaquara tiverama de pegar 3 (três) conduções para chegar no local.
Vale destacar que o Regimento da Pré-Conferência diz que somente propostas apoiadas por mais de 50% dos participantes é que seriam levadas para a Conferência Municipal da Cidade de São Paulo.
com mais de 75% de representantes dos “trabalhadores” e “gestores” deitaram e rolaram nas propostas… vetaram até mesmo um simples proposta de se avaliar o serviço público de saúde, ignorando que os conselhos de Saúde já tem o dever de fazer tais avaliações tanto nas unidades de saúde quanto nas políticas públicas de saúde.
Também tentaram impedir a aprovação do Relatório Final do 1º Seminário da Saúde do Jabaquara 2017. Mas este relatório não precisa de aprovação para ser publicado e divulgado a toda a população e autoridades ligadas à Saúde.
Outra barbaridade: chegaram colocar em votação que o evento público, usando dinheiro púbico, e decidindo política pública, não poderia ser filmado por um jornalista representante do segmento usuário… é claro que o jornalista filmou todo o debate do eixo e vai disponibilizar as imagens no Youtube.

Vejam o Relatório abaixo (sempre votado por “aclamação” da maioria dos representantes corporativistas):
27251_E-SIC 27251 RELATÓRIO PRÉ CONFERENCIA

Divulgação:
http://www.observatoriodasaudedojabaquara.wordpress.com
http://www.consabeja.org

Anúncios
Esse post foi publicado em Hospital Sabóya, Hospital Vila Santa Catarina, Participação Popular, Saúde, SPDM. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s